Empresário e Pessoa física

Antes de fazer as metas de 2015, você precisa entender o que quer

 

Antes de fazer as metas de 2015, você precisa entender o que quer

Sua empresa deve ir na direção de seus objetivos. Afinal, por que você a criou?

Sempre aperto a tecla no plano de negócios e de sua importância para a gestão empresarial. É muito importante saber a direção a seguir ao longo do ano, assim como o plano de ação para que isso aconteça.

Mas se sua empresa nasceu para que você conseguisse realizar um sonho pessoal, você já se perguntou onde entram seus desejos para o futuro nessa programação toda? Pois é superimportante saber exatamente o que se deseja antes de partir para a ação.

Vou dar o meu exemplo: trabalho no estilo home office em minha empresa, com mais duas sócias. Eventualmente nos encontramos em reuniões em nossas casas ou em cafés e espaços públicos com Wi-Fi. A maior parte do tempo, contudo, estamos sozinhos, com horários flexíveis e dosados de acordo com a nossa necessidade, sem perder tempo com trânsito ou gastar rios de dinheiro com locação de espaço. Há algum tempo, para atender ao ritmo de crescimento, tivemos de contratar um funcionário. Mas não abrimos mão de uma coisa: não queremos, de jeito nenhum, ter um escritório fixo. Não queremos assumir o custo e nem a dor de cabeça – e isso é um fato. Contrataremos, então, pessoas que tenham perfil para trabalhar de casa.

Em nosso plano de negócio, também definimos: o que queremos de nossa empresa? Que ela seja enorme ou que seja um estilo boutique, com poucos clientes? Quanto cada um dos sócios quer trabalhar? Queremos dedicar 12 horas por dia ao nosso sonho ou queremos algo que consuma seis horas por dia de atividade? E para o futuro? Como imaginamos nossa empresa em cinco, dez anos?

Queremos continuar no controle, passar a gestão para uma equipe profissional, para um futuro filho ou, quem sabe, fazer a companhia crescer até certo ponto para ser vendida e vivermos o resto da vida viajando pelo mundo?

Eu fui obrigado a fazer esses questionamentos porque tenho duas sócias. Sei que em empresas de apenas um senhor a coisa acaba tomando um ritmo próprio, ao sabor dos acontecimentos e da demanda. Mas faça esses questionamentos porque, no fim, o objetivo de sua empresa tem de estar atrelado ao seu, de vida.

E então. Você sabe o que você quer?

 

Tem uma pergunta? o #ClicoResponde

Deixe uma resposta

Você pode gostar