Clico Responde: qual o melhor nome para o site da minha empresa?

Clico Responde: qual o melhor nome para o site da minha empresa?

Do Facebook, vem a pergunta da Alba Marchesini Milena: “Gostaria de saber qual é o melhor nome para o meu domínio na web, vocês podem me ajudar?”

 

Oi, Alba!

Ficamos muito felizes em receber sua pergunta. O #ClicoResponde é uma iniciativa nova e ficamos realmente contentes de fazer sentido para vocês, empreendedores 🙂

Quando olhamos assim, de cara, a resposta parece até ser direta: o melhor nome para seu domínio na web, a URL, seu endereço virtual, é o nome da sua empresa. A URL é a informação mais forte que os buscadores usam para entregar o resultado das pesquisas feitas pelos usuários.

Mas existem muitas outras coisas que influenciam esta decisão.

Estar na internet não é somente marcar presença em um lugar, é conseguir obter clientes que você não teria acesso não fosse pelo ambiente virtual. As pessoas usam buscadores – o Google em mais de 90% dos casos no Brasil – para encontrarem produtos ou informações. E como a URL – ou o endereço do seu site – é o dado mais relevante para os buscadores no momento em que eles fazem a procura para o usuário, quanto melhor for a sua URL, mais facilmente você será encontrado e mais negócios você vai gerar.

1. Quanto mais curta a URL do seu site, melhor.

Quanto mais nomes houver na URL, mais elas “brigam” entre si. Se a sua empresa se chamar Silvino Meira da Silva Mecânico e quiser colocar tudo isso no endereço, a coisa complica bastante: a palavra “mecânico”, que é a mais forte, vai disputar relevância com as palavras “Silvino”, “Meira”, “Da” e “Silva”. Cada palavra terá um peso de 20% nos mecanismos de busca do Google. Se você optasse apenas por “Silvino” e “Mecânico”, a palavra mecânico fica com 50% de peso.

2. Identificação rápida do que você vende

Se o nome da sua empresa estiver totalmente alinhado com a atividade que você oferece (Maria Flores, por exemplo, para floriculturas; Padaria São Jorge, para padarias, etc), melhor. Porque, assim, pessoas que buscarem os termos “flores” e “padaria” terão mais chance de encontrar o seu domínio. Se você se chamar Cida Gonçalves e for costureira, tenha a certeza de que a palavra costura é muito mais importante do que o seu nome na hora de registrar o endereço.

3. Utilize o Google Trends

Dê uma olhadinha no Google Trends e veja o comportamento de busca dos usuários relativo ao universo de sua empresa. Assim, você consegue identificar o que é mais forte e terá uma base melhor para tomar sua decisão. Vale lembrar que os termos buscados não são fixos, eles mudam conforme se altera o interesse dos usuários por coisas e produtos. Mas é legal ter um raio-x do momento.

4. Opte por registrar, sempre que possível, “com.br”

Quando você tem um site com o domínio assim, os buscadores saberão que você está no Brasil, então não colocarão você para competir com sites de outros países.

5. Otimize as ferramentas de busca

Uma coisa importantíssima que você deve pedir quando estiver criando o seu site é que ele seja otimizado com SEO. SEO é a sigla para Search Engine Optimization (otimização das ferramentas de busca). Não é apenas o endereço que lhe ajuda nas ferramentas de busca, mas, também, as palavras-chave utilizadas pelo programador na hora que ele estiver criando o seu site. Isso ajuda absurdamente na colocação de sua página nos termos de pesquisa.

Esperamos que tenha sido útil. Depois nos conte se deu certo!

E bom carnaval!

Mateus Pinto
Mateus Pinto

Publicitário com 20 anos de experiência. Mateus é diretor de arte da Globalweb corp e Co-fundador da agência de Marketing Digital Neoside.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Aprenda mais recebendo em primeira mão conteúdos que vão te ajudar a empreender usando os melhores padrões do mercado. Receba no seu e-mail o que você precisa saber para Planejar, Abrir, Gerenciar e Crescer!