Empreendedorismo

Especial Mês da Mulher: Luiza Helena Trajano e a arte de pensar grande

 

dia da mulherEla ganhou notoriedade nos últimos tempos por conta da resposta que deu a Diogo Mainardi durante o programa Manhattan Connection. Mas ela merece destaque neste Especial Mês da Mulher do Guia Empreendedor por muito mais do que isso.

Só pela introdução você já deve saber de quem estamos falando, não é? A resposta: Luiza Helena Trajano, responsável pela rede Magazine Luiza, um grupo com faturamento de quase R$ 10 bilhões ao ano e mais de 740 lojas espalhadas por todo o Brasil.

Desde pequena

Pensamos em seu nome para compor este especial por conta de sua trajetória. Assim como tantos outros empreendedores brasileiros, Luiza Helena trabalha desde criança. Aos 12 anos de idade, ela abriu mão das férias na escola para ajudar na Cristaleira, loja de presentes situada em Franca e que pertencia a seus tios. Com o passar dos anos e com o desenvolvimento dos próprios negócios, Luiza passou de balconista a gerente geral e a pequena loja de bairro tornou-se o que hoje é a rede Magazine Luiza.

Lição

Em entrevista à revista Exame, ela afirmou recentemente que a maior lição que sua mãe lhe ensinou foi a de não se acomodar, nem pensar pequeno e nunca dizer que algo é impossível. O ensinamento da mãe teve forte efeito em sua maneira de pensar: segundo a empresária, quem pensa pobre atrai pobreza. É preciso traçar metas ousadas, sempre, claro, com os pés no chão, sabendo que sim, você pode atingir aquele objetivo se trabalhar para tanto. “Medo todos nós temos. Eu também tenho medo. Mas o medo termina quando a gente tem coragem de assumir e dar o primeiro passo”, disse à revista Exame.

Foco nas pessoas

Ela assumiu o comando do grupo em 1991 e instituiu uma gestão extremamente voltada às pessoas. Entre os diferenciais de sua empresa está o Conselho de Colaboradores, “criado em 1994 como uma instância de gestão democrática e participativa”. É no conselho que, por exemplo, há deliberações sobre promoções, admissões e demissões.

Em reportagem publicada no IG, foi relatado um importante momento de humanização das atividades na rede de varejo comandada por Luiza. Durante o que é chamado de comunhão com a empresa, funcionários cantam o Hino do Magazine Luiza: “As coisas que a gente faz sob as ordens do coração / São páginas vivas, eternas, que não se apagam jamais (…) ML quer dizer ‘minha luta’ / e também ‘meu lar’”.

E qual a sua história?

Fonte: Revista Exame, IG – Último Segundo, Relações com Investidores – Magazine Luiza

 

Tem uma pergunta? o #ClicoResponde

Deixe uma resposta

Você pode gostar