Assessoria de Imprensa: como fazer para ser entrevistado pela mídia?

Assessoria de Imprensa: como fazer para ser entrevistado pela mídia?
Maiza Abdalla
Maiza Abdalla
Especialista em Marketing @ Neoside Agency

Se você quer aparecer em publicações, é preciso investir em relacionamento com a imprensa

Ser referenciado em um jornal, na televisão, rádio ou em um site é o sonho de boa parte dos empreendedores. Afinal, se a sua empresa aparece como entrevistada ou participa de alguma reportagem série, significa que ela é diferenciada e que muitos clientes podem surgir graças a essa exposição.
E se engana quem pensa que, para ser entrevistado, é preciso pagar alguma coisa para o jornal, revista ou site. Muito pelo contrário: se uma publicação cobrar por isso, ela não é séria e muito menos ética. Isso vai contra as regras do bom jornalismo.
A pergunta que fica, então, só pode ser: “mas como eu faço para ser entrevistado então, Clico? Espero alguém bater à minha porta?”.
Claro que não. Existe um serviço que empresas de todos os portes contratam para criar relacionamento com jornalistas: isso se chama assessoria de imprensa.
A assessoria de imprensa serve para intermediar o contato entre marca/empresários/profissional com a mídia. A contratação pode ser via “job” – um trabalho eventual, para um lançamento de produto ou ação de comunicação pontual – ou para um projeto de médio/longo prazo.
A ideia é produzir releases (textos com informações) para enviar às redações, conduzir encontros de relacionamentos com jornalistas e organizar coletivas de imprensa para ajudar a marca/empresa/profissional a ser lembrado e contatado para futuras entrevistas.
Caso você opte por um serviço desses, tenha em mente que é bom buscar referências para atestar a qualidade do fornecedor, como ocorre em qualquer outro tipo de contratação. E não acredite se lhe for prometido um estrondoso resultado com muita rapidez: trabalho de relacionamento com a mídia leva tempo para ser construído.

E então, o que você acha dessa estratégia?

Maiza Abdalla
Maiza Abdalla

Maiza Abdalla é especialista em Gestão de Marketing e Comunicação pela Universidade de São Paulo e graduada em jornalismo. Com experiência de mais de 10 anos na função, atua especialmente na área de tecnologia e serviços, e tem como foco geração de novos clientes, branding, análise de mercado, fidelização de clientes, lançamento de produtos e assessoria de imprensa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 comentários em “Assessoria de Imprensa: como fazer para ser entrevistado pela mídia?”

  1. Boa tarde,
    Meu nome é Rute Gonzalez. Moro atualmente em São Paulo mas, sou natural de Salvador -BA. Minha história é muito longa e complicada, por isso resolvi escrever um livro sobre ela. Sempre fui de família muito humilde, tive meu primeiro filho com dezesseis anos de idade, sem ajuda de ninguém. Aos dezenove já tinha três filhos. Não vivi a minha vida mas, sim, as dos meus filhos. Deixei de calçar, vestir e me divertir para dá o melhor que pude para ele. Vivi ao lado do pai dele por vinte e quatro anos. Apanhei, fui escrava do lar, escrava sexual, mantida muitas vezes em carceres privado. Quando resolvi fugir para São Paulo, foi para dá uma vida digna para os meus filhos, pois sentia que íamos durar por muito tempo, já que as brigas eram constantes e cada dia as agressões verbais e psicológicas se tornavam intensas. Chegando a São Paulo, consegui emprego e busquei os três, mas a perturbação não havia acabado porque o pai dele, veio atras de nós nos emaçando de morte dia e noite, por isso decidi tomar uma grande decisão. Fui a delegacia e o denunciei. O processo foi para a vara criminal. Peguei meus filhos e sai de casa. Nesse tempo, escrevia a minha história em uma caderno que logo foi para a gaveta. Tempos mais tarde, consegui outro prego melhor e assim que tive uma condições, tirei o meu caderno da gaveta lutei para produzi-lo. Sofri muito porque não conseguia ninguém que me ajudasse sem interessasses financeiro, então, Deus colocou uma moça em meu caminho justamente quando estava desistindo de tudo. Mallerey Cágera, essa moça me ajudou demais, e então, transformei meu caderno em livro. Tudo independeste. Quando escrevi o primeiro, descobri que não vivo sem a escrita e escrevi o segundo logo em seguida. Esse é uma Ficção, história trágica de um filme que criei na minha cabeça. Fiz sozinha, capa, diagramação e revisão. Na verdade a capa eu contratei um artista para fazer a ilustração. Ele já está pronto. Fui convidada para fazer o lançamento na Casa das Rosas em São Paulo no dia 16/01/2019 adas 18hs as 21hs. Meu sonho é ganhar uma entrevista na tv

Assine nossa newsletter

Aprenda mais recebendo em primeira mão conteúdos que vão te ajudar a empreender usando os melhores padrões do mercado. Receba no seu e-mail o que você precisa saber para Planejar, Abrir, Gerenciar e Crescer!