E-mail marketing: o que é e como fazer?

E-mail marketing: o que é e como fazer?
Adolfo Felipe da Silva
Analista de Marketing @ Guia Empreendedor

Comunicar-se é imprescindível para partilhar o que você é e o que tem a oferecer e o e-mail marketing ainda é uma estratégia poderosa que além de melhorar o relacionamento com clientes e potenciais clientes, pode promover o fechamento de negócios com uma boa taxa de conversão e um custo relativamente baixo.

Neste post, quero te mostrar os tantos benefícios desta ferramenta e como você pode utilizá-la! Vamos lá?

O que é e-mail marketing e quais as suas vantagens?

O e-mail marketing visa a entrega de e-mails à sua base de contatos como ferramenta de marketing para divulgar seu produto e/ou serviço buscando conversões. Trabalhando a estratégia da maneira correta, posso afirmar que você conseguirá alcançar ótimos resultados com um investimento relativamente baixo.

Como fazer e-mail marketing?

Para alcançar bons resultados, é necessário saber trabalhar com a ferramenta de marketing. Vou te mostrar abaixo algumas regrinhas básicas e um passo a passo de como proceder. Atente-se a elas para aprender como fazer e-mail marketing com sucesso.

1. Escolha uma ferramenta de envios de e-mail marketing

Aconselho que você inicialmente já comece a pensar em uma ferramenta que faça os disparos de maneira organizada e que também te ajude a enxergar os resultados de cliques e taxas de abertura. Assim, você poderá avaliar todos os e-mails que enviar e sempre saber que tipo de e-mail vem funcionando mais com a sua base. Aqui no Guia Empreendedor nós usamos o RD Station.

2. Importe toda a sua base de contatos para a ferramenta.

Se você tem poucos contatos, comece a trabalhar para aumentar a sua lista. Utilize seu site para capturar e-mails de pessoas que querem receber o seu conteúdo e construa a chamada base opt-in. Uma lista totalmente qualificada que poderá ter um alto índice de conversão!

3. Não compre listas de contatos

Anote esta dica superimportante: utilize sua própria lista de contatos. Nada de sair por aí comprando listas de e-mails, estamos combinados? Isso pode impactar negativamente sua conta e você pode ser qualificado como um spammer. Isso seria terrível, não é mesmo?

4. Crie um cronograma de envios.

Tente programar os envios que você fará para a sua base escolhendo os temas e a frequência que você vai trabalhar. Dessa forma, você poderá aproveitar datas comemorativas e pensar com calma em cada oferta publicada.

5. Tenha um bom conteúdo e um bom layout

Trabalhe sempre com conteúdo e promoções realmente relevantes para o seu público, expondo tudo dentro de um layout bonito, leve e bem feito. Isso permitirá criar valor em suas campanhas, além de aumentar a taxa de abertura por ter uma boa reputação com a sua base.

6. Faça o acompanhamento de todas as campanhas.

Acompanhar os resultados é primordial para que você saiba se o seu e-mail está gerando bons frutos. Acompanhe, por exemplo, a taxa de abertura e, se ela estiver baixa, tente trabalhar formas diferentes e criativas de intitular os seus e-mails.

Além disso, fique de olho no número de descadastramento e na quantidade de cliques em cada peça ou anúncio. Com isso você poderá saber que tipo de conteúdo lhe dá melhores resultados.

Gostou do post e quer se aprofundar mais sobre o tema? Consulte o nosso post: Email marketing: boas práticas para uma ação de vendas!

Adolfo Felipe da Silva

O Adolfo Felipe tem 23 anos, e 6 deles são de experiência com marketing e vendas. Atualmente faz parte do time de Marketing no Guia Empreendedor, onde é responsável pela estratégia de inbound marketing. Tem experiência em diversos segmentos como varejo, educação e tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Aprenda mais recebendo em primeira mão conteúdos que vão te ajudar a empreender usando os melhores padrões do mercado. Receba no seu e-mail o que você precisa saber para Planejar, Abrir, Gerenciar e Crescer!