Público-alvo: tudo o que você precisa saber sobre o assunto

Público-alvo: tudo o que você precisa saber sobre o assunto
Avatar
Adolfo Felipe da Silva
Analista de Marketing @ Guia Empreendedor

Como vai, amigo empreendedor? Hoje eu gostaria de falar sobre um tópico fundamental para o sucesso do seu negócio. É importante que você saiba como definir público-alvo para montar corretamente seu planejamento de marketing.

Além disso, os serviços e produtos satisfazem mais os consumidores se houver um alinhamento entre o que você entrega e suas expectativas. Até para recrutar e selecionar funcionários você precisa saber qual o direcionamento do seu negócio mediante os clientes em potencial.

No início eu tive muitas dúvidas de como montar uma estratégia eficiente e quebrei a cabeça até definir o público-alvo do meu negócio. Para que não tenha os mesmos obstáculos que eu passei, gostaria de compartilhar boas práticas com você. Chegou a hora de aprender a como definir seu público, tenha uma boa leitura!

Entenda o que é e para que serve público-alvo

O público-alvo é um grupo de pessoas que está interessada em seu negócio para consumir produtos e serviços. Por uma questão lógica, suas ações de marketing devem ser direcionadas justamente para essa audiência. Quem está incluído nesse grupo tem interesses em comum, faixa etária próxima e até nível de escolaridade semelhante.

Algumas estratégias podem ser voltadas, inclusive, para regiões específicas da cidade ou estado. Mas, geralmente, o público-alvo acaba sendo da mesma localização da empresa — exceções para negócios nacionais e internacionais. Para chegar ao perfil dos interessados em sua marca, é preciso realizar várias pesquisas que cruzem informações importantes.

Alguns dos dados que podem ser usados durante sua procura pelo grupo de interesses são:

idade;

gênero;

formação educacional;

poder aquisitivo;

classe social;

localização;

hábitos de consumo.

Exemplo de público-alvo

Mulheres cursando o ensino superior, na faixa etária de 21 a 39 anos, residentes na cidade do Rio de Janeiro, entre a classe C e B, interessadas em aprender ou aperfeiçoar o idioma inglês para melhorar oportunidades de trabalho.

Saiba a importância de definir o público-alvo

Talvez você já tenha conseguido perceber a importância que o público-alvo tem para o sucesso da sua empresa. Porém, eu gostaria de enfatizar alguns pontos importantes, como a prospecção de clientes. Sem um grupo de interesse bem definido, seus vendedores podem até conseguir alguns contatos, mas será muito difícil fechar negócio. Pense no exemplo anterior, das mulheres interessadas em aprender inglês.

Se o empreendedor tem intenção de abrir um escritório de consultoria para o processo de intercâmbios universitários, uma característica imprescindível de seu público-alvo é estar estudando. Outro ponto importante é que esses estudos sejam de nível superior. Então, sem um direcionamento desses, seus vendedores podem acabar captando pessoas muito novas para se interessar pelo curso.

Para que você perceba melhor a importância de saber como definir um público-alvo, vou apresentar alguns benefícios que seu negócio recebe. Confira mais abaixo!

Saber que tipo de conteúdo produzir

Quando você sabe quem é seu público-alvo, é bem mais simples produzir conteúdos para sua estratégia de marketing. Isso é muito importante porque o conteúdo errado não estimula seus clientes a engajarem com a campanha. O engajamento é o ato de interagir, como compartilhar nas redes sociais, usar hashtags ou clicar em um link promocional.

Cada vez que seu público interage com seu conteúdo, ou toma uma ação usando um link que direciona para ele, significa que sua campanha está funcionando. Pois, além de atingir quem precisa, impulsiona o relacionamento com sua marca.

Vender de maneira mais fácil

Acredito que você já percebeu isso, mas saber como definir seu público-alvo ajuda a aumentar as vendas. Quando você sabe quem são as pessoas que se atraem naturalmente pelo seu produto ou serviço, todo esforço que você fizer com elas funciona melhor. Por tanto, seus vendedores são mais efetivos, precisos e produtivos quando você tem um perfil bem definido.

Entender o momento certo de promover

Saber a hora certa de fazer ações de fidelização de clientes ou campanhas de captação de leads é essencial. Pois se o público não estiver preparado para aquela iniciativa da marca, não interagirá com os anúncios, por exemplo. Além disso, se o público-alvo está inserido em um cenário de desfavorável — como crise econômica — mudanças na estratégia são necessárias.

Por isso que conhecer bem o perfil do cliente e sempre fazer pesquisas para entender o mercado de nicho pode ajudar você a superar obstáculos. Se usarmos de exemplo a crise econômica e uma ação inteligente para driblá-la, é usar ações em redes sociais.

Uma simples mensagem bem elaborada gera um alcance orgânico (sem investimento de dinheiro) e surte efeitos positivos para a reputação da marca.

Evite esses erros mais comuns ao definir o público-alvo

Antes de falar das dicas para ajudar você em como definir um público-alvo, eu preciso avisar sobre alguns erros. Muitos desses equívocos são tão comuns que alguns gestores nem sabem que estão cometendo-os. Por isso, fique de olho nos próximos parágrafos.

Ignorar ou desconhecer a persona

Com certeza você já ouviu alguém falar ou já pensou nisso: minha loja vende para qualquer um, não preciso saber quem é público-alvo. Porém, infelizmente não funciona assim. Se você tentar atirar para todos os lados, será bem provável que acabe acertando ninguém. Para fazer uma boa gestão de vendas, por exemplo, você precisa orientar sua equipe com as melhores práticas.

Como você sabe qual a melhor linguagem usar, a melhor abordagem e argumentação se você não sabe quem entrará pela porta? Você pode até pensar em se preparar para todas as situações, mas o fato é que gastará muitos recursos para isso e, mesmo assim, não estará bem preparado. Focar em um público-alvo é muito mais fácil, econômico e promissor.

Não trabalhar com dados

Um dos erros ao definir o público-alvo e não aproveitar os benefícios do Big Data. Essa tecnologia reúne dados, categorizando-os e distribuindo de acordo com o que você determinar. Depois, basta gerar relatórios e analisá-los para aprimorar suas estratégias de marketing, vendas, atendimento, produtos e serviços. Coletar, mensurar e analisar informações é o caminho para otimizar seu negócio.

Aprenda a definir o público-alvo com essas dicas

Bom, apresentei para você dois erros muitos cometidos. Inclusive eu já achei que qualquer pessoa poderia comprar meu produto. Embora essa possibilidade exista, eu sei que na prática não é o que acontece. Então, vamos ver as dicas de como definir um público-alvo? Mais abaixo explico tudo para você!

Pesquise seu mercado

A pesquisa de mercado é essencial para procurar oportunidades de negócio. É assim que você identifica quais as necessidades do público e o que você pode oferecer. Como contra partida, você também será capaz de identificar quem é o público interessado por essa solução. Nesse mesmo processo ainda é possível identificar os concorrentes.

Se formos mais afundo ainda, com os mesmos dados você já sabe quem são os possíveis parceiros de negócio, como os fornecedores. Então, é preciso fazer uma pesquisa de mercado completa, para gerar esse panorama do alcance da sua marca.

Converse com as pessoas interessadas

Depois de fazer sua pesquisa de mercado, você consegue identificar quem são os interessados na solução que você oferece. É importante ouvir de fato essas pessoas. Então, elabore questionários que ajudem a identificar o que elas procuram como solução, como se relacionam com esses produtos e o que esperam de uma empresa que o ofereça.

Segmente por grupos de interesse

É importantíssimo que você não defina logo de cara um público-alvo sem antes fazer testes. Por isso, segmente as pessoas por subgrupos. Por exemplo, qualquer um acima de 18 anos pode comprar um carro. Porém, quem está interessado em carro de corrida? Durante sua conversa com os interessados você conseguirá identificar uma porcentagem X de mulheres ou homens.

Assim como dentro desses dois grupos você terá elementos de determinada faixa etária, classe social e nível de escolaridade. É com essa segmentação detalhada que seu público-alvo começa a tomar forma. Agora você pode começar a testar o que funciona melhor para cada subgrupo desses, identificando melhor para quem seu produto ou serviço se destina.

Use ferramentas de marketing

Existem muitas ferramentas de marketing e que estão disponíveis de maneira online para você usar. Uma delas é o Google Trends, essa ferramenta mostra para você o que o mundo está pesquisando. Você pode fazer procurar direcionadas para seu nicho, assim como produto ou serviço. Um exemplo simples é buscar por pet shops em sua região e entender a demanda por esse tipo de negócio.

Perguntas fundamentais ao definir o público-alvo

Algumas perguntas são essenciais para definir o público-alvo. O motivo é que elas respondem características-chave do perfil de consumidor interessado em sua marca. Além disso, qualquer ação que você tome no negócio para gerar mais lucros, como estratégias de funil de vendas, se baseia nesses pontos:

é necessário “vender para alguém”;

é preciso “falar com alguém”;

escrevemos para “alguém ler”;

queremos curtidas “de alguém”.

Então, vou mostrar questões que você deve usar em sua pesquisa de definição do público-alvo. Assim você conseguirá identificar com precisão quem é essa pessoa que se interessa por seus produtos e serviços.

Qual o problema que seu negócio resolve?

Para chegar a essa resposta, é preciso pensar bem em seu produto ou serviço. O que ele faz? Com essa resposta fica mais fácil identificar quem são as pessoas interessadas. Além disso, pense em qual o diferencial mediante o mercado. Qualquer atributo pode destacar você da concorrência, até mesmo um bom atendimento ou agilidade no serviço.

Qual o perfil de quem se interessa por seu negócio?

Você deve ter percebido que essa é a pergunta principal das suas pesquisas de definição de público-alvo. Porém, ela deve vir depois do seu produto ou serviço porque é isso que fará as pessoas chegarem até sua marca, a atração que elas tem pelo que você oferece. Portanto, pense em quem mais provavelmente pensaria em seu produto como solução.

Um exemplo disso são os cortes de cabelo. Qualquer pessoa que tem cabelo pode cortá-lo com você? Talvez você seja especialista em cortes femininos ou masculinos, talvez tenha feito cursos para tratar de cabelos afro. Todas essas características sobre seu serviço também ajudam a definir melhor seu público-alvo.

Há grupos distintos que podem utilizar meu produto de diferentes maneiras?

Essa pergunta é crucial para ter certeza em qual nicho os esforços de marketing serão direcionados. Podemos usar o exemplo de uma revenda de lingeries. As lingeries são para vestir o corpo feminino, logo de início você já identifica o público-alvo: mulheres. Porém, isso não quer dizer que homens não estejam interessados no seu produto.

Pois os maridos e namorados também procuram lingeries para presentear suas parceiras. Assim como existe o público masculino que tem fetiche sexual em se vestir com roupas femininas e também são um nicho de mercado. Então, basta escolher qual foco você quer ter em suas ações de marketing para atrair aquele público mais interessante ao seu negócio.

Principais ferramentas usadas para definir o público-alvo

As tecnologias ajudam em qualquer momento de um negócio, não poderia ser diferente na hora de definir o público-alvo. Por isso, veja as minhas indicações de ótimas ferramentas que você pode usar.

Audience Insights Facebook

Essa ferramenta pertence ao grupo do Facebook e ajuda a identificar detalhes sobre a sua audiência. Basta você ter uma página de produto ou serviço que ela consegue analisar os seguidores e curtidores. Alguns dados que você consegue identificar são:

idade;

estado civil;

escolaridade;

região;

posição política;

preferências musicais.

Similarweb

O Similarweb é uma ótima ferramenta que ajudar a avaliar as métricas geradas pelo tráfego nos sites e blogs. Porém, o ponto mais legal é que não mensura os dados do seu domínio e sim da concorrência. Interessante, né? Além de ser gratuita, ela mostra um comparativo da performance web do seu negócio com o do concorrente.

Mindminers

Como explicamos, é muito interessante aprofundar o perfil do seu público-alvo, segmentando em nichos menores e específicos. Assim você consegue atingir mais pessoas e da maneira certa, facilitando todo o processo de prospecção e vendas. O Mindminers faz exatamente isso, integrando detalhes similares em suas pesquisas, mostrando diferentes caminhos possíveis para um mesmo negócio.

Toda empresa precisa passar pelo processo de como definir o público-alvo. Seja um empreendedor, seja um grande empresa, o sucesso do negócio depende de conhecer bem o perfil de quem se interessa por sua marca. Não esqueça de aplicar as dicas usando ferramentas que ajudam no processo. Os dados coletados ajudarão todos os departamentos a se alinharem melhor.

O que achou do nosso guia para definir público-alvo do seu negócio? Siga-nos nas redes sociais para acompanhar mais conteúdos valiosos como esses. Estamos presentes no LinkedIn, Instagram e Facebook!

Avatar
Adolfo Felipe da Silva

O Adolfo Felipe tem 23 anos, e 6 deles são de experiência com marketing e vendas. Atualmente faz parte do time de Marketing no Guia Empreendedor, onde é responsável pela estratégia de inbound marketing. Tem experiência em diversos segmentos como varejo, educação e tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Aprenda mais recebendo em primeira mão conteúdos que vão te ajudar a empreender usando os melhores padrões do mercado. Receba no seu e-mail o que você precisa saber para Planejar, Abrir, Gerenciar e Crescer!