Clico Responde: como identificar que sua empresa é uma roubada

Clico Responde: como identificar que sua empresa é uma roubada

Nesta semana, nós criamos uma iniciativa para trazer você mais perto do nosso dia a dia: o “Clico Responde”. Consiste basicamente em, ao longo da semana, leitores mandarem dúvidas sobre negócios e gestão para que, na sexta-feira, publiquemos a resposta.

Legal, né?

O chato é que ninguém mandou uma pergunta :/

Sabemos que novas ideias precisam de um tempo para ganhar tração, por isso, não abriremos mão desta seção mesmo que vocês ainda não tenham participado. E também não vamos fingir que alguém mandou uma pergunta só para não ficar “feio”. Achamos que mentir, isso sim, é feio.

Como a característica básica dos empreendedores é não desistir diante das dificuldades e encontrar uma saída interessante para tudo, decidimos investir ideias do nosso próprio bolso para não deixar este projeto morrer. E, por isso, criamos uma pergunta que acharíamos que você julgaria interessante.

E a pergunta escolhida é: “Como identificar se o negócio está indo mal?”

A resposta pode até ser meio óbvia: quando negócio não está indo bem, oras. Mas na prática é muuuito mais do que isso. Existe algo muito importante que acaba “borrando” a visão dos empreendedores num momento de ser sincero e tomar a decisão de interromper as atividades e assumir que, afinal, a ideia não decolou. O nome disso é fator emocional. Quando se investe dinheiro do próprio bolso em um sonho, admitir que os dias difíceis não vão passar e que o melhor é assumir a perda de uma vez é algo extremamente complicado.

Então, siga os seguintes passos para uma sincera tomada de decisão.

É só comigo?

O mercado está mal de fato para o seu segmento de negócio ou o problema ocorre somente em sua empresa? É importantíssimo se comparar com concorrentes nestes casos para entender se o problema é generalizado ou só mesmo com você.

Mas é só uma fase…

Há quanto tempo é apenas um momento difícil? Seja sincero consigo mesmo e lembre-se a última vez que os negócios foram bem e deram resultado. Às vezes, simplesmente é preciso admitir que não, não é passageiro. Se a sua empresa é nova, revisite o plano de negócios e veja em quanto tempo você estimou que ela desse lucro. Normalmente o primeiro ano das atividades, realmente, não dá retorno. O negócio começa a se pagar a partir do segundo ano. Claro que tudo depende do setor de mercado, mas fique atento.

Conseguir crédito fica difícil

De repente, conseguir crédito virou uma missão impossível?  Os bancos têm um sistema de avaliação muito criterioso para a concessão de empréstimos. Se a sua empresa não consegue convencer financiadores a apostar em projetos, é hora de avaliar a consistência dos planos.

Veredito dos fornecedores

Converse com seus fornecedores. Por atenderem diversas empresas, eles podem dar uma ideia sobre a sua situação em relação aos demais clientes deles. Isso ajuda, especialmente, no caso de você ter dificuldade em buscar dados com os concorrentes.

Adoramos o #ClicoResponde, mas gostaremos mais ainda se você participar. Afinal, assim como nas dicas que demos a vocês, não vamos apostar numa ideia eternamente se ela simplesmente não der resultado. Vamos “investir” até acharmos que vale. Então, vamos nessa juntos. Utilize a hashtag e mande sua dúvida para a gente!

Mateus Pinto
Mateus Pinto

Publicitário com 20 anos de experiência. Mateus é diretor de arte da Globalweb corp e Co-fundador da agência de Marketing Digital Neoside.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Aprenda mais recebendo em primeira mão conteúdos que vão te ajudar a empreender usando os melhores padrões do mercado. Receba no seu e-mail o que você precisa saber para Planejar, Abrir, Gerenciar e Crescer!