Como fazer uma boa gestão de marketing

Como fazer uma boa gestão de marketing
Rodrigo Contreira
Rodrigo Contreira
Diretor de Marketing @ Agencia Neoside

Você já deve ter percebido o quanto o marketing é importante para a venda de produtos e serviços, certo? Afinal, sem ele, dificilmente as pessoas saberiam da existência das mercadorias e a empresa não lucraria.

Uma gestão de marketing é a ação responsável por analisar estratégias, lidar com o ambiente, implementar melhorias e monitorar os resultados dessa área. Quando essa etapa é bem realizada, a marca consegue implementar as táticas com mais eficiência e, ainda, fazer com que todos os stakeholders enxerguem valor nela.

Fazer isso pode até ser considerado um dos desafios de quem administra uma pequena empresa, ainda mais quando não é especialista no assunto. Como é um procedimento importante demais para ignorar, eu resolvi ajudar você a ser um bom gestor de marketing, sem precisar ser um guru no assunto. Vamos lá!

Aposte na análise SWOT

 

swot

 

Um dos primeiros passos consiste em fazer um estudo dos ambientes internos e externos, nos quais sua empresa atua. A análise SWOT é uma ferramenta que pode ajudar você nisso, pois, por meio dela é possível analisar os aspectos positivos e negativos que cercam seus produtos. No ambiente interno, você terá forças e fraquezas, e no externo, oportunidades e ameaças. Deste jeito:

gestão de marketing: como-funciona-Análise-Swot

  • Forças: pontos positivos internos, por exemplo a qualidade do produto;
  • Fraquezas: pontos negativos internos, por exemplo a baixa produtividade;
  • Oportunidades: pontos positivos externos, por exemplo a diminuição no valor dos impostos de comercialização de mercadorias;
  • Ameaças: pontos negativos externos, por exemplo a forte concorrência.

Assim, você sempre observará os dois ambientes, para saber que tipo de estratégia deverá ter:

  • Fraquezas + Ameaças: Sobrevivência. É o momento de ter prudência nas ações e buscar a mudança de algum dos ambientes, antes de entrar com uma ação mais ousada;
  • Fraquezas + Oportunidades: Crescimento. É a hora de aproveitar que o mercado externo está a favor e investir em táticas para crescer mais;
  • Forças + Ameaças: Manutenção. O cenário externo não é dos melhores, então qualquer estratégia tem de ser muito bem avaliada;
  • Forças + Oportunidades: Alavancagem. Esse é o contexto mais favorável. As ações precisam buscar as vantagens que os dois ambientes fornecem.

 

ebook Guia gestao de vendas b2c

 

Defina metas claras

 

gestão de marketing: defina metas claras

 

Como saber que tipo de ação tomar se você não tem um objetivo com ela, meu amigo? É a partir das metas da empresa que toda decisão será tomada. Por exemplo, é possível que você torne a sua marca de roupas conhecida não só aqui no país, mas mundialmente. Ou então, você pode desejar ser a maior referência no mercado brasileiro de software, com foco em inclusão de pessoas com deficiência. Percebe como são metas completamente distintas?

É, inclusive, a partir dos objetivos traçados que você poderá analisar o quanto as ações implementadas são eficientes e o quão perto seu negócio está de chegar aonde você pretende. Sendo assim, defina metas claras, faça com que todos os colaboradores estejam a par delas e invista em recursos para um marketing que ajude nesse aspecto.

Estabeleça os 4 Ps do marketing

 

gestão de marketing: 4 P's de Marketing

 

Essa é uma ferramenta que ajuda sua empresa a colocar em prática as estratégias de marketing definidas em momento anterior — as letras se referem a: produto, preço, praça e promoção. Ela parte da ideia de que ao se criar um produto será necessário saber quem ele vai atingir, determinar um preço que traga lucros, decidir o local de vendas e pensar em formas de divulgação.

Quanto ao produto, você precisa analisar algumas questões, como qual tipo de necessidade ele satisfará e qual o diferencial traz. Já o preço, você precisa se decidir por um que seu cliente estaria disposto a arcar, ao mesmo tempo que possa trazer lucro ao negócio.

Sobre a praça, você precisa analisar qual o melhor ponto de vendas ou canal de distribuição dos produtos ou serviços — eles costumam variar, dependendo do público-alvo. Na promoção, você precisa pensar em ações de comunicação do produto com o público-alvo. Isso pode incluir e-mail marketing, publicidade em redes sociais ou criação de fan pages, por exemplo.

 

curso marketing de conteudo

 

Informe-se sobre as melhores ações a investir

 

revise-estrategia

 

Existe uma gama imensa de ações diferentes as quais você pode tomar ao realizar campanhas, mas para uma boa gestão de marketing, meu primeiro conselho é: informe-se sobre o que funciona melhor para o seu negócio, especificamente.

Como fazer isso? Observe o que tem dado certo e errado para a concorrência, bisbilhote o site e as redes sociais deles, pesquise sobre os feedbacks dos clientes, leia sobre como funciona cada ação, bem como seu retorno financeiro e aplicação no dia a dia.

Outra tática relevante é acompanhar empresas de conteúdos de marketing, como o Guia Empreendedor. Ao assinar a newsletter, por exemplo, você recebe na sua caixa de e-mails novidades e dicas para a área. Essa forma de agir é interessante, porque você fica por dentro desse mercado que está sempre se renovando para acompanhar as mudanças tecnológicas e de comportamento do consumidor.

Não tente fazer tudo ao mesmo tempo

 

gestão de marketing: não faça tudo

 

Você talvez diga “maravilha, Rodrigo, descobri 20 ações de marketing que posso começar a executar hoje mesmo!”, o que não é de se surpreender. No entanto, vá com calma, pois, a gestão de marketing é como uma receita de bolo: em vez de juntar os ingredientes de uma vez e assar de qualquer jeito, você deve seguir uma ordem e respeitar as quantidades e o tempo para assar.

Ao implementar muitas ações de uma só vez, se algo der errado, você terá dificuldades de saber qual elemento fez o resultado falhar. Sendo assim, não faça tudo ao mesmo tempo, mas, sim, liste as prioridades e as execute aos poucos. Com isso, a sua “receita” será um sucesso!

Atente-se com o básico

 

gestão de marketing: foque no básico

 

Por mais que as tendências mudem, novos padrões surjam e jargões apareçam para assustar quem não é especialista no assunto, sempre se lembre de que o objetivo do marketing é atrair pessoas.

Por isso, em vez de se concentrar em tudo que você não sabe da área, concentre-se nas coisas que não mudam, como oferecer um atendimento rápido e de qualidade e dispor de bons produtos que façam as pessoas recomendarem sua marca — afinal, isso também é marketing!

 

curso-marketing-branding

 

Cerque-se de especialistas

 

gestão de marketing: cerque-se de especialistas

 

Já que você não é especialista em gestão de marketing, procure quem seja e peça ajuda. Essa é, certamente, uma das melhores maneiras de aprender, ainda que você leia sobre o assunto, pois você viverá na prática e seguindo os conselhos de quem faz isso há mais tempo e com sucesso.

Então, além de seguir empresas que entregam conteúdos dessa área — como o Guia —, acompanhe especialistas e líderes que falam sobre isso, como eu mesmo, ou o Adolfo Felipe. O LinkedIn é um exemplo de lugar no qual se concentram profissionais com um vasto know-how sobre diversos assuntos e com os quais você tem a oportunidade de interagir.

Não vá sempre no mais barato

 

gestão de marketing: não vá sempre pelo mais barato

 

Para falar a verdade, eu mesmo gosto muito das táticas de baixo custo que trazem bom retorno, e sempre as recomendo para quem está procurando alavancar uma pequena empresa sem ter tanto capital disponível. No entanto, nunca decido por usar uma dessas estratégias só pelo baixo custo, mas, sim, porque trazem um bom custo-benefício e, principalmente, por ser perfeitamente possível aplicá-las no cotidiano.

Assim, sempre que encontrar algo que pareça interessante, aconselho você a fazer pesquisas sobre isso antes, a fim de entender se o plano é mesmo vantajoso. Lembre-se, também, de que o barato, muitas vezes, sai caro e você pode ter de pagar a mais para tentar consertar algum estrago.

Observe os canais nos quais as ações estão sendo realizadas

 

gestão de marketing: Canais

 

Você pode monitorar os perfis das redes sociais, o blog e o site da empresa. As interações das pessoas em cada postagem, por exemplo, dão indícios do quanto a estratégia de marketing digital tem sido eficiente.

Quanto ao blog ou site, existem diversas ferramentas que ajudam a acompanhar como o visitante se comporta, o que ele visualiza primeiro, que lugar costuma ter mais cliques. Isso ajuda para tomar algumas decisões, como escolher em que local ficará o “botão comprar” ou que tipo de layout mais atrai.

Além disso, você precisa saber que cada tipo de canal alcança um público diferente e esse é outro detalhe para o qual você olhará. Se eu quero atingir um perfil mais jovem e com personalidade despojada, por exemplo, provavelmente terei sucesso no Instagram, usando fotos atrativas.

O Facebook pode ser uma boa também. Nesse caso, posso usar memes e emojis para buscar aproximação. Já se eu quiser conversar com executivos ou outros empresários, talvez me arriscar no LinkedIn traga bons resultados e me ajude a construir mais autoridade.

 

 

Acompanhe o retorno de cada investimento

Meu último conselho é que você sempre — atenção especial nesse advérbio de tempo — acompanhe o retorno de cada investimento por menor que ele seja. Monitore os resultados de qualquer ação executada na empresa e os compare com as metas estabelecidas.

Acompanhar métricas faz toda a diferença para tomar decisões com inteligência em vez de dar palpites e trabalhar só com a intuição. Só assim você saberá o que funciona melhor e fará os ajustes necessários na gestão da sua estratégia de marketing.

Agora, meu amigo, você já sabe tudo que é preciso para fazer uma gestão de marketing de qualidade, mesmo sem ser especialista no assunto. A melhor solução, nesses casos, é sempre se informar bem, fazer o básico e acompanhar o progresso do trabalho. Em pouco tempo você já realizará campanhas de sucesso!

Gostou das minhas dicas para a sua gestão de marketing? Então, curta nossa página do Facebook e fique por dentro de todas as novidades e sugestões para seu negócio.

Aprofunde o seu conhecimento em marketing com os cursos

Curso Branding e Marketing: Criação de Marcas de Sucesso

Curso de Marketing de Conteúdo

Curso Startup de A a Z

Curso Marketing para Varejo

Rodrigo Contreira
Rodrigo Contreira

Diretor de Marketing na área de tecnologia, com mais de 15 anos de experiência. Sócio Fundador da agência de Marketing Digital Neoside.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Assine nossa newsletter

Aprenda mais recebendo em primeira mão conteúdos que vão te ajudar a empreender usando os melhores padrões do mercado. Receba no seu e-mail o que você precisa saber para Planejar, Abrir, Gerenciar e Crescer!